Usina de reciclagem de entulhos começa a funcionar em Rio das Ostras

Todo o material da construção recolhido pelas ruas é triturado e, em seguida, separado em quatro tamanhos diferentes.

Rio das Ostras ganhou uma usina de reciclagem de entulho. Agora, além das vias ficarem mais limpas, os restos de material de construção vão ser aproveitados para a manutenção de ruas e estradas da cidade.

São pelo menos 1.540 toneladas de entulho retiradas das ruas de Rio das Ostras todos os meses, e esse entulho atrapalha pedestres, motoristas e pode provocar acidentes.

A coleta é feita semanalmente, mas todo o resto da construção civil da cidade era deixado no aterro sanitário sem qualquer tratamento. A partir de agora, o problema deve diminuir, já que uma usina de reciclagem começou a funcionar no aterro.

Todo o material da construção recolhido pelas ruas é triturado e, em seguida, separado em quatro tamanhos diferentes. O equipamento processa até 25 toneladas de resíduos todos os dias e foram investidos R$ 400 mil.

O recolhimento do lixo é feito por meio de um agendamento semanal, mas para o limite para o serviço grátis é de 3 mil metros cúbicos de entulho. O que passar deste número é de responsabilidade do dono. Nas obras de maior porte, os empresários serão os responsáveis por levar o entulho até a usina, sob pena de multas que variam de R$ 50 a R$ 5 mil.
Postar no Google +

About Angel Morote

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE